Editais/Credenciamento

Eixos de Ação

Empregados Públicos FUNEAS

  • Lei Geral de Proteção Dados Pessoais-LGPD

Notícias

04/10/2021

Secretário formaliza novo modelo de gestão de hospitais em Londrina e abertura de dez novos leitos


Secretário Beto Preto formaliza novo modelo de gestão de hospitais em Londrina FUNEAS


Os Hospitais Zona Norte e Zona Sul de Londrina serão gerenciados pela Fundação Estatal de Atenção em Saúde (Funeas), vinculada à Secretaria de Estado da Saúde, a partir de agora. Com o novo modelo, a expectativa é ampliar serviços para os demais municípios que integram a Região Norte, otimizando as estruturas e melhorando a capacidade de cobertura assistencial no Estado.

"É um novo formato para que a gente possa dar mais agilidade na compra de um equipamento e que muitas vezes para na burocracia que é inerente pelo tamanho da máquina pública. Isso nós devemos ganhar em escala operacional, de material humano e, por consequência, de atendimento”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

Ele lembrou que a Funeas é um órgão ligado à Sesa e que a administração das unidades continua pública, mas tão somente com uma configuração mais simplificada de trabalho interno e governança. "É Sesa sendo Sesa, sem qualquer prejuízo. Ganharemos na melhor prestação de serviço de saúde aos paranaenses”, reiterou.

LEITOS – No Hospital Zona Sul também foram abertos dez novos leitos para atendimento da saúde mental. A estrutura representa o início do processo de pós-Covid, como uma estratégia complementar da atenção básica em saúde, que já vem sendo desenhada pelo Governo.

Foram R$ 40 mil em investimentos. Somente no primeiro semestre deste ano, 310 internações relacionadas à saúde mental aconteceram no hospital, além de quase 900 atendimentos no Pronto Socorro.

“Estamos nos preparando para este novo cenário e agora com a ampliação de leitos, certamente a política da saúde mental pode representar um atendimento mais humanizado e em sintonia com as competências municipais acerca do cuidado dos pacientes psiquiátricos”, disse o diretor no HZS, Geraldo Junior Guilherme.

Os hospitais ainda receberam da Sesa 15 novos computadores, cada um deles, para a renovação dos equipamentos e modernização do funcionamento operacional das áreas administrativas.

Em breve, obras de reparo também serão feitas nas duas instituições, representando cerca de R$ 600 mil em investimentos para recuperação estrutural. “A vinda do secretário Beto Preto para a formalização deste novo formato para os hospitais representa o carinho e o interesse que o Governo e a Sesa têm com Londrina e a região. Certamente vamos retribuir esta confiança e melhor atendimento para as pessoas", avaliou o diretor do Hospital Zona Norte, Reilly Lopes.

Estiveram presentes no evento o diretor-presidente da Funeas, Marcello Augusto Machado, o diretor técnico da Funeas, Geraldo Gentil Biesek, a diretora da 17ª Regional de Saúde de Londrina, Maria Lúcia Lopes, e a diretora de Atenção e Vigilância da Sesa, Maria Goretti David Lopes.



Fonte: Assessoria de Comunicação Sesa

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.